Argentina · Puerto Iguazu

Puerto Iguazu | Compras Duty Free Shop Puerto Iguazú

Duty Free Shop Iguazú

Conseguimos o transfer de ida como cortesia da STTC e voltamos de táxi para o hotel. Ele fica na fronteira entre Brasil e Argentina, bem no final da Ponte Tancredo Neves.

O lugar é super moderno e se auto intitula como o melhor Duty Free do mundo. Foi criado em 2002 e oferece 5.000 m2 de lojas organizadas como uma loja de departamentos americana.

Hall Central

A decoração é muito bonita e lembra bastante os outlets de Miami, principalmente na época de Natal.

Decoração de Natal no Hall Central

Também no Hall Principal é que fica o Café Chivas que serve lanches, refeições e cervejas, mas o preço é um pouco salgado.

Café Chivas

A partir do Hall Central tem-se acesso às diversas lojas que são temáticas do lugar. Logo na entrada está o estande com os óculos de sol. O valor é similar a qualquer Free Shop e achei até um pouco mais caro.

À direita fica a loja com a temática de Nova York. Nela pode-se comprar bebidas, cigarros e as comidinhas típicas de free shop: Pringles, Kit Kat, balas e chicletes. Uma observação que fiz é que eles não vendem chocolates Lindt.

Loja com Decoração Nova York

Em seguida fica a loja de brinquedos que é uma réplica do Castelo da Cinderela na Disney.

Loja de brinquedos com decoração a la Disney

Mais adiante, continuando o tour em sentido anti horário pelo Hall Central, temos a loja da Nike com tênis, roupas e artigos esportivos. Também não achei nenhuma pechincha, mas a originalidade dos produtos é ao menos garantida.

Ao lado fica a seção de Perfumes representada nada mais nada menos por Paris. Os perfumes são definitivamente um item bem mais caro do que no Paraguai. O ideal é experimentá-los, escolher os preferidos e comprá-los no Paraguai onde são bem mais baratos (US$20-50).

Já os cosméticos da L’oreal, Smashbox, Clinique, Dior, Lâncome, Maybelline, YSL e marcas do tipo podem ser comprados no Duty Free. Os valores são um pouco mais baixos que no Paraguai. Outro ponto positivo são os produtos da Body Shop. Se joga! Já Victoria Secret compre no Paraguai que é mais barato.

Loja de perfumes com a temática de Paris

Do lado a loja de eletrônicos com fachada do Japão. Essa tem muitas opções e algumas até valem a pena, mas não é tão barato assim.

Em seguida a loja de roupas, com o tema Veneza. Oferece mais artigos esportivos como jaquetas, camisetas e calças cargos, além de muita coisa da GAP.

Duty Free Shop Puerto Iguazu

Fronteira Foz Iguaçu x Puerto Iguazú

Seg a Dom 10:00 – 21:00

Argentina · Puerto Iguazu

Puerto Iguazú | noite animada da cidade

Como já falei aqui, a menor cidade da tríplice fronteira e que eu amei é Puerto Iguazu. Recomendo que todos fiquem do lado argentino porque além de ser uma cidadezinha linda e calma de dia, à noite é repleta de atrações e dá para sair a pé diferente de Foz. É uma hermana de Monte Verde.

Há opções para todos os gostos: feirinhas, restaurantes, baladas e CASSINOS – Uhuuu!

Parada obrigatória é a Feirinha de Puerto Iguazu para tomar uma cerveja com aperitivos e jogar conversa fora no final da tarde em um dos muitos barzinhos rústicos do lugar. Lá tem vinhos e queijos argentinos com preços inigualáveis.

Feira Puerto Iguazu

Um dos barzinhos rústicos da feira[/caption]

Depois da feira a pedida é ir a um dos ‘boliches’ da cidade. Não, não para jogar, ‘boliche’ é como são chamados os ‘barzinhos’ em castelhano. Eles se concentram na avenida Brasil entre a Misiones e Azarra. Os mais bombados são o Jackie Brown e La Tribu. A disco mais famosa é a La Barranca, mas é lotada de brasileiros.

A fronteira, no entanto, é que reúne os melhores endereços gastronômicos. Fomos no Aqva, que merece a visita, pela comida gostosa e cardápio elaborado. As carnes são trazidas direto de Buenos Aires.

O ambiente é bem agradável, mas é bem cheio, então aconselho fazer reserva pelo próprio site.

Conhecemos lá um vinho chamado Zero, que é de Mendoza e adoramos.

Fomos de carne argentina. Eu pedi Lomo que veio acompanhado de uma quiche de alho poró.

Já o Rogério foi de ‘ojo de bife’ que veio com batatas com queijo.

Para finalizar um cafézinho que veio com suspiros. Adorei.

Outra boa opção gastronômica é o Terra, um restaurante com pratos asiáticos onde todas as paredes são cobertas com mensagens de clientes. Já as casas de carne mais fa­­mosas são El Quincho del Tío Querido e La Rueda.

Outros três restaurantes que nos recomendaram, mas não chegamos a testar ficam na mesma rua do Aqva. O La Piacere e o Color (Pizza/ Parrilla) são bem grandes com muitas mesinha ao ar livre e o Doña María tem serviço de Buffet e pratos a la carte que pareceram bem saborosos.

La Piacere[/caption] Doña Maria[/caption]

Mas se há um lugar em que brasileiros e argentinos viram a noite de domingo a domingo é no Casino Iguazú. Muitos até se hospedam lá  já que o cassino é anexo a um hotel cinco estrelas. Haja ‘monedas’ para tentar a sorte nas roletas, blackjack, bacará, pôquer e 200 máquinas de jogos eletrônicos, como videopôquer e caça-níqueis.

Argentina · Puerto Iguazu

Puerto Iguazu | Escolhendo um Hotel de Selva

Hospedar-se em Puerto Iguazu é poder ter contato com a natureza, mas com a opção de não ter que abrir mão do conforto se não quiser. Se essa é a sua praia a pedida é escolher um dos vários hotéis de selva da região.

Hotel de Selva | Categoria Muquirana

Complejo Turístico Americano

Garden Stone Hostal

The Hostel Inn Iguazu

Hotel de Selva | Categoria Intermediária

Iguazu Jungle Lodge – Foi o que escolhemos e é recomendadíssimo!

Reservei o hotel pelo booking.com. Um lindo hotel de selva a 10 minutos a pé do centro, o que para mim era requisito essencial, para não ter que comer todos os dias no restaurante do hotel, apesar da comida ser muito gostasa e ótima pedida para os dias de preguiça.

Iguazu Jungle Lodge
Carrinho de Golf que nos levas âs ‘cabañas’

O complexo é formado por 14 bangalôs equipados com tv de led, wifi, camas king size, banheira de hidromassagem e sacadas com vista para a selva e o rio Iguazu e abrigam 6 pessoas confortavelmente. O valor da diária é de R$280.

Entrada da nossa suíte
Vista da Floresta Subtropical
Vista da Varanda
Salinha de Estar e de Jantar
Ainda tinha mais um quarto
Piscina e Jacuzzi

Descansamos um pouco e saímos para dar uma volta na cidade. Descobrimos uma padaria 24h bem perto do hotel, que tem frigobar, então dá para armazenar comida. Há também um mini supermercado chamado Ruta 17 onde tem ótimos vinhos argentinos com preço de até 4 vezes menos que no Brasil, cerca de 20 pesos.

Hotel de Selva | Categoria Tô Podendo

Loi Suítes Iguazu

 

 

Argentina · Puerto Iguazu

Puerto Iguazu | Parque Nacional Iguazú

Sem dúvidas o lado argentino das Cataratas proporciona um contato mais próximo com as quedas e você fica cara a cara com a Garganta do Diabo. A passarela suspensa proporciona uma visão aérea da enorme quantidade de água que corre ali. Portanto, se tiver que escolher entre um dos lados somente, opte pelo Argentino.

A sensação de estar ao lado da Garganta é indescritível, o barulho da força da água e os respingos completam a aventura.

Garganta do Diabo

Fizemos o passeio pela STTC o que nos custou R$169,00 (Transfer Hotel-Cataratas-Hotel | R$59 + Macuco Safari/ Gran Aventura | R$ 110 + Duty Free Shop Iguazu | Cortesia). Compensa bastante, o conforto é bem maoir e você não se preocupa com nada. O guia é bem animado e passa muitas informações sobre a flora e a fauna.

Carro com ar condicionado da STTC Turismo

No entanto se quiser economizar um pouco a outra opção é ir com ônibus de linha:

| Como chegar ao Parque Nacional Iguazú (lado Argentino)

Partindo de Foz do Iguaçu, o ônibus urbano ‘Cataratas’ (R$3) passa pela Av. Juscelino Kubtschek (centro) e pela Av. das Cataratas e a linha Internacional Foz-Iguazu sai do terminal urbano. O destino de ambas é a Rodoviária de Puerto Iguazu. Antes de chegar na Rodoviária, você cruzará a fronteira, portanto, não esqueça de levar o RG ou o passaporte. Na Rodoviária você pega outro ônibus ‘El Practico’ (10 Pesos) que te leva direto para o parque. A entrada do parque agentino só pode ser paga em Pesos (60 pesos), então lembre-se de levar dinheiro trocado. Dentro do parque são aceitos Reais.

| Dentro do Parque Nacional Iguazú 

Depois de comprar o ingresso na bilheteria do Parque o transporte será feito parte de trem e parte a pé.

Entrada Parque das Cataratas

Siga pela trilha do ‘Sendero Verde’ reduto de maior concentração de espécies coloridas de borboletas do parque em direção à Estação Cataratas.

Na Estação pegue o trenzinho  e desça na estação ‘Garganta del Diablo’.

Trem Parque das Cataratas

Depois disso será necessário caminhar por 1km de trilha em passarelas suspensas e vazadas até a Garganta.

Passarela no Parque das Cataratas
Um dos moradores do Parque…

O parque é muito bonito e tem mais duas trilhas que oferecem um outro ângulo de visão das passarelas. Na volta pegue o trenzinho novamente e desça na Estação Central. Escolha então entre o Circuito Superior (para ver as Cataratas de cima) ou o Circuito Inferior (para ver as Cataratas de baixo).

Mapa Parque das Cataratas

Escolhemos o Circuito Inferior, pois no final da trilha é feito o embarque para o Macuco Safari, que do lado argentino é chamado de ‘Gran Aventura’  ‘con emoción’ garantida.

Circuito Inferior
Os quatis que ‘roubam’ a comida dos visitantes
Circuito Inferior
Circuito Inferior

| Onde Comer dentro Parque Nacional Iguazú

Restaurante La Selva (Sistema ‘Tenedor libre’ ou ‘self service’) – R$40,00 por pessoa

Fortin Cataratas Restaurant (Sistema ‘Tenedor Libre’) – R$40,00 por pessoa

Sandwich – Minutas (Fast Food) – Foi o que escolhemos.

Pedimos dois deliciosos sanduíches de lomo com batatas fritas, mas um só dá para dois comerem muito bem.

Restaurante Sandwich – Minutas
Sanduívhe de Lomo com batatas fritas

 

 

Argentina · Puerto Iguazu

Puerto Iguazu | Aventura Náutica y Gran Aventura

No final do Circuito Inferior fica o pier do qual saem as lanchas para a ‘Aventura Náutica’ que é a versão hermana do Macuco Safári que acontece do lado Brasileiro do Parque.

Aventura Náutica

Como comentei aqui o passeio saiu R$169,00 por pessoa (Transfer + Aventura Náutica + Gran Aventura + Ida ao Duty Free Shop Iguazú) pela STTC Turismo.

A diferença entre a Gran Aventura e a Aventura Náutica é que a primeira, além do passeio de barco, inclui uma trilha pela floresta a bordo de um caminhão e uma subida maior do Rio Iguaçu. É uma versão mais longa da aventura.

Trilha pela selva de caminhão

O Macuco Safári, mesmo passeio feito do lado Brasileiro é um pouco mais caro e segundo los hermanos: sin emoción.

Antes de embarcar na lancha você coloca um colete salva vida e eles te entregam um saco de lona impermeável para você colocar todos os pertences. Deixe somente a câmera para fora para poder fazer as fotos bem perto das quedas e na hora do ‘batismo’ em que o barco entra embaixo de pequenas quedas, você é avisado para guardar a câmera.

Gran Aventura

Prepare-se para ficar ensopado. Escolha roupas levas e use traje de banho por baixo e havaiana nos pés. Leve uma muda de roupa na mochila.

Gran Aventura

No final da aventura você tem a opção de comprar o filme da aventura e eles entregam no seu hotel. Em seguida sobe-se uma escada enorme para o embarque no caminhão que já estava nos esperando.

Gran Aventura

Durante o passeio pela selva a guia mostra curiosidades sobre a flora e fauna da região.

Gran Aventura

O desembarque é feito em frente ao Restaurante La Selva. Um pouco mais adiante fica uma área com banheiros grandes, lojas de Souvenir e um Café Havanna. Aproveite para trocar de roupa e se esquentar com um chocolate quente.

Assim que saímos do Parque a van da STTC já estava nos esperando para nos levar de volta ao hotel.