Espanha · Europa · Madrid

Madrid | Palacio Real, Plaza Mayor, Museu do Prado e mais!

Começamos nosso roteiro por Madrid pela Calle Fuencarral (na Estação de Metrô Gran Vía) onde ficava nosso hotel. A Calle Fuencarral é a principal rua de comércio de Madrid com várias lojas de marcas internacionais uma ao lado da outro: H&M, Swaroviski, Vans, Adidas, Zara e várias outras.

madrid

madrid

É uma peatonal bem agradável com vários cafés e banquinhos ao redor. De lá cruzamos a Gran Vía e seguimos pela Calle de la Montera onde fizemos uma pausa para o almoço na Cerveceria Cien Montaditos.

madrid

Trata-se de uma rede super famosa e com vários endereços na Espanha especialiazada em montaditos, ou mini sanduíches, que custam cerca de €1 cada.

madrid

Um pouco mais a frente há várias lojas de souvenir e uma loja de presuntos ibéricos chamada Viandas de Salamanca, que é a marca mais famosa de presuntos espanhóis.

madrid

E vale a pena uma parada para comprar um cocurucho (ou canudo) de presunto e dar uma olhada nas iguarias que estão entre as mais famosas do mundo. E já que estamos nesse assunto preste atenção: há três tipos de presunto ibérico que diferem em sua qualidade – o jamón ibérico de bellota, o melhor de todos, o jamón ibérico de recebo, intermediário e jamón ibérico de cebo, o mais comum e acessível.

madrid

O melhor e mais caro é o jamón de Bellota em que os porcos são alimentados com castanhas (bellotas) que deixam a carne com um sabor especial. O preço é salgado, mas pelo menos uma vez tem que experimentar. Cerca de 100g do produto custam cerca de €10 Euros na loja, mas vale a pena, apesar de eu ainda preferir o Presunto de Parma, a variação italiana do presunto cru.

madrid

Mas e o presunto Pata Negra? Bom, nós também tínhamos essa dúvida, mas aprendemos que que Pata Negra é um termo genérico para presunto já que o termo refere-se ao porco – pata negra.

Continuando o passeio desembocamos na Puerta del Sol, um dos lugares mais famosos de Madrid, onde fica o marco zero das estradas espanholas.

O edifício mais antigo é a Real Casa de Correos com sua torre do relógio onde são contadas as badaladas para o Ano Novo.

madrid

A estátua del Oso y el Madroño também é um ponto de destaque e que representa o escudo de Madrid.

madrid

Na Calle Postas, 8, uma das ruazinhas que desembocam na praça, fica o Museo del Jamón, outra alternativa para provar o famoso presunto.

Próximo à Puerta del Sol fica a Plaza Mayor cuja entrada só é possível por um dos seus 9 pórticos. O pórtico mais famoso é o Arco de Cuchilleros na esquina sudoeste da praça.

madrid

madrid

Seguimos o passeio em direção ao Palácio Real e paramos no Mercado de San Miguel para conhecer. Esse mercado existe desde 2009 quando foi reinaugurados como point gourmet de Madrid. São 30 bancas de frutas, verduras, peixes e embutidos, além das mesas comunitárias para degustação, bar de vinos e tapas fresquíssimas preparada por chefes locais com ingredientes de excelente qualidade.

madrid

madrid

É um excelente lugar para começar a noite também (já que ele fecha só às 2am). As tapas começam com € 1, mas não é um lugar baratíssimo e os preços são compatíveis com a qualidade dos alimentos.

madrid

Também é o lugar ideal para provar o famoso jamón de Bellota que sai por volta de € 16 cada 100gr.

madrid

Continuamos até o Palácio Real, que é bem pertinho dali, e é a residencia oficial do Rei da Espanha, a pesar de ele não morar lá.

madrid

Na volta, próximo à Plaza Mayor, no Pasadizo San Gines fica a chocolatería mais famosa de Madrid: a Churrería San Gines. Uma parada lá é indispensável para provar os típicos churros espanhóis – fininhos e sem recheio – acompanhados por uma xícara de chocolate quente bem espesso.

madrid

Uma delicia. Além disso a churrería fica em uma ruazinha/ peatonal bem tranquila e bonita, ideal para relaxar depois dos passeios.

madrid

 

madrid

 

Continuando pela Calle de Alcalá chegamos na Plaza de Cibeles, na intersecção das Calle de Alcalá, Paseo de Recoletos e Paseo del Prado. A fonte foi esculpida em 1777 e em cada uma das quatros esquinas da praça estão o Palácio Buena Vista, o Palácio de Linares, o Palácio de Comunicaciones, que é a sede da prefeitura e o Banco de Espanha.

madrid

Passos a frente encontramos a Plaza Independencia e a famosa Puerta de Alcalá que foi construído em 1778 pelo rei Carlos III para servir como porta de entrada da cidade.

madrid

Seguimos pelo Paseo del Prado até o Museo del Prado. A dica é ir das 18:00 às 20:00 quando a entrada é grátis. O Museu é o mais importante da Espanha e um dos mais famosos do mundo.

madrid

madrid

Abriga coleções precisíssimas, principalmente pinturas francesas, espanholas como Velásquez e Goya, da escola flamenca, alemãs e da Renascença Italiana. É realmente um museu imperdível.

madrid

madrid

Quem ainda tiver pernas, pode aproveitar e dar uma esticada até o Museu Reina Sophia para ver La Guernica, de Pablo Picasso.

madrid

madrid

Fechamos um dia perfeito tapeando do Bar Stop e depois fomos para o Lamiak em La Latina. Leia o post aqui.

madrid

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s